[ Vox populi vox Dei ]

2010-12-14

« YES WE NEED: ÉTICA... VERDADE e JUSTIÇA... »

 Barack Obama criou um "Comité" especial para enfrentar mais fugas de documentos diplomáticos, tipo WikiLeaks



Barack Obama dizia, há um ano, em Oslo, que se sentia "humilde" por receber o Prémio Nobel da paz e que havia no mundo pessoas que mereciam mais essa distinção. 

Afinal, foi a promessa do que o Presidente dos EUA poderia fazer e não aquilo que verdadeiramente fez que atraiu o Comité do Nobel. E se na altura já pareceu um erro para muita gente, que dizer agora, pouco depois da entrega do Nobel ao activista dos Direitos Humanos chinês, Liu Xiaobo, que não esteve na cerimónia porque está preso na China?

E os últimos 12 meses não foram propriamente pacíficos para Obama. Em relação à política interna, é, actualmente, menos popular que George W. Bush e o único presidente, em meio século, abaixo dele é Richard Nixon, segundo uma sondagem da Gallup. 

Na política externa, tudo parecia perfeito até um australiano chamado Julian Assange desenvolver a WikiLeaks.

Todos os dias, novos documentos secretos que revelam a verdadeira face (também) da diplomacia norte-americana são colocados online, e por muito que os países digam que vão manter a mesma relação com os Estados Unidos da América, nada será o mesmo.

Causa-me alguma impressão - Costa Ribas, por exemplo, há pouco no Telejornal -, que (só) se preocupem  em responsabilizar a autoria das fugas das informações secretas, saber como tal foi possível, e assobiem para o lado [por enquanto?] quanto ao modus operandi... a que o planeta parece ter andado sujeito.



TINA  TURNER
Antes... Agora
... de sempre ...

Aqui, hoje... em palco

We Don't Need Another Hero

[Singer: TINA TURNER]

Out of the ruins
Out from the wreckage
Can't make the same mistake this time
We are the children
The last generation
We are the ones they left behind
And I wonder when we are ever gonna change it
Living under the fear 'till nothing else remains

We don't need another hero
We don't need to know the way home

All we want is life beyond, the Thunderdome

Looking for something we can rely on
There's got to be something better out there:
Love and compassion
Their day is coming
All else are castles built in the air

And I wonder when we are ever gonna change it
Living under the fear 'till nothing else remains
All the children say:

We don´t need another hero
We don't need to know the way home

All we want is life beyond, the Thunderdome

So, what do we do with our lives?
We leave only a mark!
Will our story shine like a light?
Or end in the dark?
Give it all or nothing

We don´t need another hero...

Nós Não Precisamos de Um Outro Herói

Fora das ruínas,
No lado de fora dos escombros,
Não podemos cometer o mesmo erro desta vez.
Nós somos as crianças,
A última geração.
Nós somos aqueles que eles abandonaram para trás.
E eu me pergunto, quando nós vamos mudar,
Vivendo sob o medo, até que nada mais reste...

Nós não precisamos de um outro herói,
Nós não precisamos saber o caminho para casa.

Tudo o que queremos é vida além, a cúpula do trovão

Procurando por algo [em que] possamos confiar,
Tem de haver alguma coisa melhor lá fora.
Amor e compaixão,
O dia deles está chegando.
Tudo mais são castelos construídos no ar...

E eu me pergunto, quando nós vamos mudar,
Vivendo sob o medo, até que nada mais reste...
Todas as crianças dizem:

Nós não precisamos de um outro herói,
Nós não precisamos saber o caminho para casa.

Tudo o que queremos é vida além, a cúpula do trovão.

Então, o quê fazemos com nossas vidas?
Nós deixamos somente uma marca.
Nossa estória brilhará como uma luz
Ou terminará no escuro?
Entregue tudo ou nada.

Nós não precisamos de um outro herói...




TINA TURNER CANTA: «We Don't Need Another Hero»














Fontes
Imagens, poema e tradução: Net
Vídeo: YouTube
1º texto: adaptação do D.N.

2 comentários:

Luisa disse...

Causa-me perplexidade as fugas de informação, estas ou outras. Já diz o povo, há males que veem por bem, que neste caso assenta lindamente!
Deve-se contextualizar a informação divulgada, e agir em conformidade.
Portugal deve investigar, os factos que estão acusados.

Não silenciem Julien Aussange!

Bjs
Luísa

Teresa disse...

Pois, realmente não precisamos de mais heróis, ou pretensos heróis. Precisamos é de gente com ética, com honestidade, de vontade de trabalhar para o bem comum. Onde estão essas pessoas?