[ Vox populi vox Dei ]

2009-06-08

... CAÇA com ... GATO ...




A "matéria de facto" é 'Sui generis'; por isso, muito embora não sendo caçador por ter respeito pela vida animal, socorri-me do 'adágio' em título só para representar a imagem de que quando não se tem possibilidades de atingir um objectivo por falta de recursos, será lícito recorrer ao grande método que é o do "desenrasca"! assim, «Quem não tem cão...caça com...gato»! mas, não levem isto à letra pois, se 'cão de graça não vai à caça', o gato, mais altivo, mandá-lo-á passear e, o dito popular ficará pelo... não dito! Falando ainda de 'bichos', vamos a seguir encontar 'espertos' que não 'caçam... ratos':

O jornal de distribuição gratuíta, "Jornal da Região" - Amadora - Série II Edição nº177 de 2 a 8 de Junho/09, na Página 6, informa:

«Consultas Jurídicas suspensas / Dez juntas [Freguesias] sem serviço gratuito à população»

"Ordem dos Advogados quer pôr fim à procuradoria ilícita nas Juntas de Freguesia"

Diz o Presidente da Junta da Brandoa: "Tenho alguma dificuldade em aceitar o que chamam de ilegalidade, quando a maior parte das consultas eram dadas por advogados da Ordem".

Em resumo: Algumas Juntas de Freguesia da Amadora tinham implementado um meio de as populações menos 'abonadas' procurarem esclarecimento e acompanhamento jurídico nas suas instalações autárquicas.

Esta acção [à priori louvável], foi considerada um "ílicito" pela Ordem dos Advogados pois, tal foi até comparado com a intervenção de um 'endireta' no lugar do 'médico'!

Isto é: Advogados da Ordem que estavam prestando este serviço aos cidadãos das respectivas Juntas de Freguesia, estariam a incorrer numa 'acção' comparável à de um falso médico, muito embora, desta feita, o Licenciado ser verdadeiro!

Eu, como leitor, venho por esta única via de Blog tentar obter esclarecimento público pois, se tudo isto não cheira a Corporativismo puro na salva-guarda dos interesses dos Consultórios de Advocacia 'afectados' pela 'concorrência'[?] das 'Juntas de Freguesia', então não se percebe onde está o ilícito uma vez que o Advogado é da Ordem, Titular da Cédula Profissional e, 'colega' de outros que não estando a 'trabalhar' para uma 'Junta', estão a 'Colaborar' em actividade liberal em Empresas da iniciativa Privada em regime de Avença!

Qual a diferença? estarão a prejudicar a classe por serem uma espécie de «Advogados sem Fronteiras?»...

Só os Médicos é que podem ter a 'prerrogativa' de a troco de pouco dinheiro, ou nada, ajudarem o carenciado semelhante?

Diz ainda o Jornal: " quem necessita muito de apoio pode requerê-lo à Segurança Social"... [em vez de ... como estavam procedendo...]!

Então, o Advogado não é assim tão «Liberal» como se pensa? Existem outros 'valores' mais altos que se levantam do que a 'simples' Solidariedade?

Já passaram muitos Bastonários pela Ordem dos Advogados! De todos, e não quero ser sectário nem injusto, o que me tem parecido mais 'empenhado' na defesa dos direitos e garantias do Povo,... é o que ainda se mantém em funções!...

Será que, afinal, tenho andado "equivocado", ao ler o que vi no Jornal da Região?

Pelo sim pelo não, como não gosto de prejudicar ninguém, nunca mais peço pareceres a um advogado meu amigo do "Café", não vá ele ter problemas com a Ordem e o seu Bastonário, por minha causa...

Além de já não se poder ser 'Prior destas Freguesias', afinal também não é permitido ser Advogado!

5 comentários:

Anónimo disse...

Se voltarmos a lêr este texto, chegaremos sempre à conclusão de
estamos perante o fim da macacada.
É o negócio em forma de leis...
É que são mesmo uns espertos,
mas não caçam ratos!
Está na cara...

El Matador disse...

Na realidade o Bastonário da Ordem, saiu melhor do que a encomenda.
Sugiro a mudança do nome para Bestonário, pelo menos enquanto a dita criatura não for apeada do pedestal onde se encontra!

Ornitorrinco disse...

depois de ver essa foto nem consegui ler o resto... ahahha
que ar tão púdico!!!

César Ramos disse...

Mr. Ornitorrinco,

... talvez seja o ar púdico do Sr. Dr. Bastonário da Ordem dos Advogados que, por si, ou por qualquer outro corporativismo não tem culpa de ter de cumprir com a Lei, e acabar com os Advogados do Povo ...

Pocahontas disse...

Eu tentei ler este exto com atenção, mas o meu olhar desviava sempre para a foto daquela gatinha que é tããão lindinha e fofinha!!!