[ Vox populi vox Dei ]

2009-03-17

HELP THOSE MOST IN NEED

(...) o título em epígrafe pertence a um dos spots que ilustram este Blogue, que
convidamos a 'clicar' de quando em vez, para... se não puder ajudar, pelo menos lembrar a realidade de uma CRISE de Todos os Tempos ..., particularmente nos PALOP, desde que Portugal "decidiu" deixar de "escravizar" (...)

Leia-se: in 'C.M. de 16/03/09 pág. 27 (Mundo Português)', o apelo de ISAAC Wambembe, Delegado da UNITA: «É preciso salvar aquele povo sem voz»!!

Até parece, de repente, que é apenas o Povo UNITA que está ostracizado! E o que é isso de UNITA, MPLA, (fora o que havia mais: Mr.Holden, já se finou), etc. etc.?

Nada mais, do que POVO ANGOLANO! e não é o bastante?

O Saudoso Dr. SANTANA DIONÍSIO lá me 'ensinou' na disciplina de História: "Parece que
foi um erro termos impingido receitas de civilização àquela gente...que entre eles já
tinham problemas de sobra!". E, note-se: o meu querido professor não sabia que, anos
depois, em 1961, iria começar o "Terror" em Angola! (...) Muito embora o "terrorismo"
já tivesse muitos 'filmes' na Cinemateca da História, e os indefectíveis Democratas e Republicanos de 1910 nos tivessem deixado lições de Patriotismo; apesar de terem ficado p'rá História como 'arruaceiros' e 'mata-frades'!...

Angola, era nossa. E, para lá foi deportada muita gente "fina" cá da nossa 'praça'! Um, foi o ZÉ do TELHADO (roubava a ricos para dar aos pobres)! e fez lá grande
fortuna sem roubar mais nada a ninguém (ou roubou?). Outro, foi o HOMEM MACACO que,
devido a demência, ou Espírito Maligno, aterrorizava Lisboa, na zona de Alcântara,
em grandes actuações, à Tarzan, improvisando árvores e lianas. Outros, farão parte de
outro Post a publicar mais tarde ...

Angola, país independente, 14,5 vezes maior do que o "PUTO", tem, em Portugal, representantes do seu POVO a clamar SOS-PALOP!

Louvável! pois, a Esperança - e a perseverança - nunca
devem morrer! (...)

A mesma Esperança que faz este nosso Povo, também 'AFÓNICO', reescrever a HISTÓRIA e reconciliar-se com o DESTINO, lá longe... junto dos "ISAAC Wambembe", em
ANGOLA(...)

2 comentários:

dRAMOs disse...

ajudem-nos primeiro que bem estamos a precisar.
Esse professor esqueceu-se de dizer que para civilizar é preciso ser civilizado!

César Ramos disse...

Gracias pelo comentário.

Bem! parece que já fomos ajudados pela União Europeia e ... talvez fosse melhor fazerem como o outro que em vez de emprestar dinheiro ofereceu uma cana de pesca.

(...) o Professor não 'esqueceria' tal... nesse sentido; docente do Ensino Oficial naquele tempo, expunha a 'cabeça' pois falava desassombradamente!
Foi um Pensador tipo Agostinho da Silva. Rendo-lhe a minha homenagem aqui e em todo o lado,apesar de eu não ter "aprendido" bem as lições dele
pois nunca fui esquerdista...

Civilização,- mesmo assim de baptismo -, conheci a do Conto do Eça (CIVILIZAÇÃO), em que Jacinto
só foi feliz quando deitou no lixo
os sofisticados inventos que o entediavam e se reconciliou com a
Natureza (...)